3 de dezembro de 2014

É o tempo do tudo ou nada


Paulo Pereira e João Miguel Ruano Rodrigues, numa fotografia de João Cosme, quando preparavam esta campanha, olhando para os terrenos a comprar

1) Menos de 15% do financiamento para angariar em uma semana e meia;

2) Se acha que o seu contributo só pode ser pequeno e não vale a pena, saiba que entre contributos de 1, 2 e 5 euros temos quase 1% do projecto financiado. Muitos pequenos contributos fazem um grande contributo;

3) Já contribuiu e o seu nome não aparece aqui (http://ppl.com.pt/pt/prj/sermos-donos-disto-tudo/fans)? Contacte-nos (montisacn@gmail.com);

4) Não gosta de se registar em plataformas como a PPL? Mande-nos um mail com o valor com que quer contribuir, e geramos uma referência de multibanco (há uma taxa bancária, como em várias outras formas de pagamento, que não tem nada connosco nem com a PPL, mas que não se consegue evitar);

5) A ideia de subir um rio de montanha não lhe agrada? Mas pode ser que agrade ao seu filho ou a outra pessoa (ou grupo de pessoas) para quem ache que poderia ser um bom presente. Ou pode substituir por um passeio desenhado mais a seu gosto, incluindo o uso de uma joelette que permite a pessoas de baixa mobilidade andar por onde normalmente não lhe é permitido, uma verdadeira poltrona todo-o-terreno;

6) A ideia de subir o rio até é boa, mas 50 euros é muito dinheiro? Talvez não lhe seja difícil organizar um grupo com mais quatro pessoas e cada uma paga 10 euros por uma manhã ou tarde difícil de esquecer;

7) E, claro, há sempre a satisfação de saber que com a sua ajuda, alguns terrenos de Portugal podem ser geridos, e visitados, pelo que valem e podem vir a valer para a natureza;

8) Ou há 100% do financiamento angariado no dia 15 de Dezembro às seis da tarde, ou tudo o que já foi angariado volta para os doadores. Não desistiremos, nessa circunstância, mas era triste morrer na praia e defraudar o entusiasmo das 179 pessoas que já nos permitiram juntar quase 10 mil e quinhentos euros, fora as que nos apoiaram de outras maneiras;

9) E se nesse dia, a essa hora, houver mais de 100% do financiamento, reafirmamos o compromisso de aplicar 88,5% desse excedente na compra de novos terrenos, que iremos ainda procurar.

Sem comentários:

Enviar um comentário