29 de abril de 2017

A dificuldade da escolha


Pela primeira vez, a Montis teve este fim de semana duas actividades em simultâneo.
De um lado, com a Plantar uma Árvore, o primeiro fim de semana voluntário, no baldio de Carvalhais, que começou com um passeio pelos moinhos do Pisão e castro da Cárcoda, seguido de uma conversa sobre o fogo controlado e a engenharia natural que estamos a usar como instrumentos de uma estratégia de gestão para a biodiversidade. Depois sim, pegando nas ferramentas, avançou-se para a criação de condições para uma recuperação mais rápida do salgueiral e para o trabalho sobre um acesso a uma área que virá a ser trabalhada, a seu tempo.
No outro lado, dentro dos objectivos de diversificação geográfica da Montis, estivemos numa propriedade do sócio Francisco de Almeida Garrett, que falou da sua experiência na gestão do montado quase sem mobilização do solo (numa zona com gado, noutra sem gado), nos mostrou a sua experiência única no mundo de sobreiros de regadio (na fotografia) e ainda nos deu de almoçar.
A seu tempo teremos posts com mais pormenores e mais fotografias, mas para já assinale-se aqui o dia em que tivemos mesmo de sobrepor actividades diferentes em sítios distantes.

Sem comentários:

Enviar um comentário